E nao somente para regenerar, mas para fazer nova todas as coisas

por

E nao somente para regenerar, mas para fazer nova todas as coisas, porque sem Ele nada do que foi feito se fez.

Vindo, pois o Filho do Deus Todo Poderoso, nos foi entregue a fonte do Amor, gerado pelo Pai, na principio, antes que tudo fosse. O Eu Sou manifesta-se entao em carne como salvador para regenerar o que dantes se perdera, segundo a sua vontade, na perfeita vontade do Pai, do Filho e do Espirito Santo de Deus.

O Amor. Sim, o Amor e a denotacao perfeita do carater de Deus. O Seu amor transcende todo o entendimento. Ele fui como rios de aguas vidas da fonte eterna, do Arquegon. Eis entao que Ele fui pela linhas da eternidade e em si mesmo e a completude e a consumacao dos seculos.

 
E nisto tudo, confluem o amor, a fe e a esperanca. E Destes, o Amor.
 

Ora, nos que estavamos mortos em nossos pecados, alcancamos agora o endentimento da salvacao pela fe e pela fe temos vencido o pecado. Nao devemos pois pecar, mas se pecarmos, temos junto ao Pai justo advogado, que em tudo padeceu por nos e em tudo foi tentado. Sendo Ele excelso e perfeito na magnificencia do seu proprio ser e sublime em nossa defesa, nao restando, pois, mais acusacao sobre os seus eleitos.

Portanto, nao podera o homem justificar a si mesmo e nem poder compreender as coisas de Deus se nao for por Deus conduzido. E nisto, Deus envia os seus ministros, que segundo a sua vontade devem conduzir o rebanho do Senhor em caminho seguro, ainda que passem pelo vale da decisao.
A exatidao da medida do entendimento nao vem, portanto, pelo esforco da natureza pecaminosa da carne, que em essencia conflui para a morte, mas sim pela obediencia ao Espirito de adocao de Deus, mediante a fe no Senhor Jesus Cristo. Logo, senao fosse pela bondade de Deus, em Jesus, como pois subsistiriamos? O que nos faz compreender que a salvacao e um dom que vem de Deus e nao da obra da lei.

 

Mas se esta agora a carne crucificada com Cristo, onde pois permanece o pecado? Sim, nas lutas de nossas vontades que contendem contra o Espirito, de forma que nao somos de nos mesmos, mas de Cristo. Ora, se nao sujeitamos a nossa vontade a Cristo e nosso entendimento nao esta Nele cativo, tropecamos, pois, na Rocha.
A efemera sensacao de vida segundo os costumes dos homens ou dos afazeres e cuidados do presente seculo sao claramente discernidos quando andamos em Espirito e em Verdade. A mesma verdade que pelo Espirito nos julga e nos convece de si mesma, de forma que somos indesculpaveis diante Daquele que e, senao justificados pela fe e pelo arrependimento, que nao vem por nossa virtude, mas pela bondade do Senhor Jesus Cristo. Por isso, onde abundou o pecado superambundou a graca.
O entendimento que nos leva ao caminho perfeito nao vem pela razao nem pela medida do conhecimento que temos, mas pela fe no Senhor Jesus Cristo, que nos conduz ao esclarecimento excelso pela uncao do Espirito Santo em nos, e nos convence da verdade eterna que vem de Deus. Passamos entao a caminhar em novo pensamento levados pela novidade de vida, mediante a salvacao de Deus e o selo do seu amor, que e o Espirito da Graca que nos foi dado por Cristo por seu favor.

Jailson, servo de Deus e apóstolo de Jesus Cristo

share

Postagens Recomendadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

»