Nascimento de Jesus Cristo

 
 
Autoria do Reverendo Romeu Maluhy, pastor da Igreja Presbiteriana

Publicação autorizada pelo Presbítero Romeu Maluhy Junior, pastor e epíscopo

Agradecimentos de Universal Assembléia da Santa Aliança Cristã

Presbítero Jailson Pereira, apóstolo e epíscopo
 
 
 
6 – NASCIMENTO DE JESUS CRISTO

(Lucas 1:35)

  

“Respondeu-lhe o anjo: Descerá sobre ti o Espírito Santo e o poder do Altíssimo te envolverá com a sua sombra; por isso também o ente santo que há de nascer, será chamado Filho de Deus”

1 – FILHO DE DEUS – Não foi o nascimento virginal de Jesus que fez d’Ele o Filho de Deus. Este foi o meio pelo qual o Filho pré-existente, revelou Sua Deidade (comparar com João 1:1,14 e Filipenses 2:6).

2 – “O ESPÍRITO DÁ VIDA – João 6:63 “O espírito é o que vivifica: a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos tenho dito, são espírito e são vida!

Romanos 8:11 “Se ha ita em vós o Espírito daquele que ressuscitou a Jesus dentre os mortos, esse mesmo que ressuscitou a Cristo Jesus dentre os mortos, vivificará também os vossos corpos mortais, por meio do seu Espírito Santo que em vós habita”

II Coríntios 3:6 “o qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito, porque a letra mata, mas o espírito vivifica”
I Pedro 3:18 “Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus; morto,  sim, na carne, mas vivificado no espírito”

3 – SOMBRA DIVINA – Sombra Providencial

(1) Protege o povo de Deus: Na Rocha dos Séculos – Êxodo 33:22 “Quando passar a minha glória, eu te porei numa fenda da penha, e com a mão te cobrirei, até que eu tenha passado” (ver Deuteronômio      32:11).

(2) Em tempo de Tribulação Salmo 57:1 “Tem misericórdia de mim ó Deus, tem misericórdia, pois em ti a minha alma se refugia; à sombra tuas asas me abrigo, até que passem as calamidades” (Salmo 63:7; 121:5; Cantares 2:3).

(3) Um Refúgio do Temporal – Isaías 25:4; “Porque foste à fortaleza do pobre, e à fortaleza do necessitado na sua angustia; refúgio contra a tempestade, e sombra contra o calor; por que dos tiranos o bufo é como a tempestade contra o muro”

(4) Na sombra de Sua mão – Isaías 51:16 “Ponho as minhas palavras na tua boca, e te protejo com a sombra da minha mão, para que eu estenda novos céus, funde nova terra, e diga a Sião: Tu és o meu povo”

(5) Sob a Sombra de Suas Asas – Mateus 23:37 “Jerusalém, Jerusalém! Que matas os profetas e apedrejas os que foram enviados! quantas vezes quis reunir os teus filos, como a galinha ajunta os seus pintinhos debaixo das asas,e  vós não o quisestes!”

4 –  CRISTO IMPECÁVEL

(1) Isaías 53:9 “Designaram-lhe a sepultura com os perversos, mas com o rico esteve na sua morte, posto que nunca fez injustiça, nem dolo algum se achou em sua boca” (Lucas 23:41).

(2) João 8:46 “Quem dentre vós me convence de pecado? Se vos digo a verdade, por que razão não me credes?

(3) II Coríntios 5:21 “aquele que não conheceu pecado, ele o fez pecado por nós; para que nele fossemos feitos de justiça de Deus” (Hebreus 1:9).

(4) Hebreus 4:15 “Porque não temos sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, antes foi ele tentado em todas as cousas, à nossa semelhança, mas sem pecado.”

(5) Hebreus 7:26 “Com efeito nos convinha um sumo sacerdote, assim como este, santo, in culpável, sem mácula, separado dos pecadores, e feito mais alto do que os céus” (Hebreus 9:14).

(6) I Pedro 1:19 “mas pelo precioso sangue, como de cordeiro sem defeito e sem mácula, o sangue de Cristo”

(7) I Pedro 2:22  “O qual não cometeu pecado, nem dolo algum se achou em sua boca” (I João 3:5).

5 – CRISTO JUSTO

(1) Salmo 45:7  “Amas a justiça e odeias a iniqüidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu com óleo de alegria como a nenhum dos teus companheiros”

(2) Isaías 11:5 “A justiça será o cinto dos seus lábios, e a fidelidade o cinto dos seus rins” (Isaías 42:6).

(3) Isaías 59:16 “Viu que não havia ajudador algum, e maravilhou-se de que não houvesse um intercessor: pelo que o seu próprio braço lhe trouxe a salvação, e a sua própria justiça o susteve”

(4) Jeremias 23:5 “Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que levantarei a Davi um Renovo justo; e, rei que é, reinará e agirá sabiamente, e executará o juízo e a justiça na terra”.

(5) Apocalipse 19:11 “Vi o céu aberto, e eis um cavalo branco. O seu cavaleiro se chama FIEL e VERDADEIRO, e julga e peleja com justiça”


6 – ENCARNAÇÃO

               (1) Isaías 7:14 “Portanto o Senhor mesmo vos dará sinal: Eis que a

                                         virgem conceberá, e dará a luz um filho, e lhe chamará

                                       Emanuel”

 

                (2) Isaías 9:6 “Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o

                                        governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será:

                                        Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade,

                                    Príncipe da Paz” (Isaías 11:1).

 

                (3) João 1:14 “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de

                                     graça e de verdade, e vimos a sua glória, como do

                                        unigênito do Pai” (Atos 2:30; Romanos 1:3).

 

                (4) Romanos 8:3 “Porquanto o que fora impossível à lei, no que estava

                                           enferma pela carne, isso fez Deus enviando o seu

                                          próprio Filho em semelhança de carne pecaminosa e

                                          no tocante ao pecado; e, com efeito, condenou Deus,

                                             na carne, o pecado”

 

                (5) Filipenses 2:7 “antes a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de

                                           servo, tornando-se em semelhança de homens; e,

                                               reconhecido em figura humana”.

 

                  (6) I Timóteo 3:16 “Evidentemente, grande é o mistério da piedade:

                                                   Aquele que foi manifestado na carne, foi justificado

                                              em espírito, contemplado por anjos, pregado entre

                                              os gentios, crido no mundo, recebido na glória”

                                                  (Hebreus 2:14)

 

                 (7) I João 4:2 “Nisto reconheceis o Espírito de Deus: todo espírito que

                                        confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus”

                                           (II João 7).

 

7 – JESUS ERA SEMELHANTE A NÓS EM TUDO, EXCETO NO PECADO:

            (1) – Atos 3:22 “Disse, na verdade, Moisés: O Senhor Deus vos suscitará

                  dentre vossos irmãos um profeta semelhante a mim; a ele ou ireis em

                  tudo quanto vos disser” (Deuteronômio 18:5,6)

 

            (2) – Filipenses 2:7,8 “antes a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de

                  servo, tornando-se em semelhança de homens; e. reconhecido em

                   figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à

                  morte, e morte de cruz”.

 

            (3) – Hebreus 2:17 “Por isso mesmo convinha que, em todas as cousas, se

                                          tornasse semelhante aos irmãos , para ser misericordio-

                                          so e fiel sumo sacerdote nas cousas referentes a Deus,

                                             e para fazer propiciação pelos pecados do povo”.

 

8 – JESUS ERA SEM PECADO – (daí o seu nascimento virginal, para que o  

                                                      Cordeiro que iria ser sacrificado não tivesse

                                                            mácula).

(1) Hebreus 7:26,28 “Com efeito nos convinha um sumo sacerdote, assim como

                                  este, santo, inculpável, sem mácula, separado dos pecadores, e feito mais alto do que os céus. Porque a lei constitui sumos sacerdotes a homens sujeitos à fraqueza, mas a palavra do juramento, que foi posterior à lei, constitui o Filho, perfeito para sempre”.

 

(2) João 8:46 “Quem dentre vós me convence de pecado? Se vos digo a verdade,

                        por que razão não me cedes?”

 

9 – JESUS FOI SUJEITO À EVIDÊNCIA DOS SENTIDOS

 

            (1) – Lucas 24:39 “Vede as in hás mãos e os meus pés, que sou eu mesmo;

                             apalpai-me e verificai, porque um espírito não tem carne nem

                                ossos, como vedes que eu tenho”.

 

            (2) – João 20:27 “E logo disse a Tomé: Põe aqui o teu dedo e vê as minhas

                            mãos; chega também a tua mão e põe-na no meu lado; não

                               sejas incrédulo, mas crente”

 

            (3) – I João 1:1,2 “O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que

                              temos visto com os nossos próprios olhos, o que contemplamos

                              e as nossas mãos apalparam, com respeito ao Verbo da vida

                                (e a vida se manifestou, e nós a temos visto, e dela damos

                                testemunho, e vo-la anunciamos, a vida eterna, a qual estava

                             com o Pai e nos foi manifestada)”

 

10 – JESUS ERA DA SEMENTE

        (1) Da mulher – Gênesis 3:15 “Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua

                                  descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça,

                                  e tu lhe ferirás o calcanhar”

 

               Lucas 1:31 – “Eis que conceberás e darás à luz um filho a quem chama-

                                    rãs pelo nome de Jesus”

 

               Gálatas 4:4 – “vindo, porém, a plenitude do tempo, Deus enviou Seu

                                     Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei”

 

         (2) De Abraão – Gênesis 22:18 “nela serão benditas as nações da terra;

                                     porquanto obedeceste à minha voz” (comparar com

                                        Gálatas 3:16).

                                     Hebreus 2:16 “Pois ele, evidentemente, não socorre a

                                        anjos, mas socorre a descendência de Abraão”

 

         (3) De Davi       II Samuel7:12,16 “Quando teus dias se cumprirem, e

                                                                   descansares com teus pais, então fa-

               rei levantar depois de ti o teu descendente, que procederá de ti, e

               estabelecerei o seu reino”. Porém a tua casa e o teu reino serão firma-

               dos para sempre diante de ti; teu trono será estabelecido para sempre”.

               Salmo 85:35,36 “Uma vez jurei por minha santidade (e serei eu falso a

               Davi?); A sua posteridade durará para sempre”

               Salmo 85:35,36 “Uma vez jurei por minha santidade (e serei eu falso a

                                          Davi?); A sua posteridade durará para sempre, e o seu

                                          Como o sol perante mim”.

               Jeremias 23:5 “Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que levantarei a

                                       Davi um Renovo justo; e, rei que é, reinará, e agirá

                                       sabiamente, e executará o juízo e a justiça na terra”.

                Mateus 22:42 “Que pensais vós de Cristo? de quem é filho? Responde-

                                        ram-lhe eles: De Davi”

                Marcos 10:47 E, ouvindo que era Jesus, o Nazareno, pôs-se a clamar:

                                      Jesus, Filho de Davi, tem compaixão de mim!”

               Atos 2:30 “Sendo, pois, profeta, e sabendo que Deus lhe havia jurado

                                que um dos seus descendentes se sentaria no seu trono”.

               Atos 13:23 “Da descendência deste, conforme a promessa, trouxe Deus

                                  A Israel o Salvador, que é Jesus”.

               Romanos 1:3 “com respeito a seu Filho, o qual, segundo a carne, veio

                                      da descendência de Davi”

 

          (4) Sua Genealogia – Mateus 1:1-16 “Livro da genealogia de Jesus Cristo,

                                             filho de Davi, filho de Abraão: “Abraão gerou a Isaque,

               Isaque, a Jacó; Jacó, a Judá e seus irmãos; Judá gerou de Tamar a

               Perez e a Zerá; Perez gerou a Esrom; Esrom, a Arão; Arão gerou a Ami-

               nadabe; Aminadabe, a Naassom; Naassom, a Salmon; Salmon gerou de

               Raabe a Boaz; este, de Rute gerou a Obede; e Obede a Jessé; Jessé

                 gerou o rei Davi; e o rei Davi, a Salomão, da qual fora mulher de Urias;

               Salomão gerou a Roboão; Roboão, a Abias; Abias,a Asa; Asa gerou a

               Josafá; Josafá a Jorão; Jorão, a Uzias; Uzias gerou a Jotão; Jotão a

               Acaz;Acaz, a Ezequias; Ezequias gerou a Manassés; Manassés a Amon; 

               Amon a Josias; Josias gerou a Jeconias  aos seus irmãos, no tempo do

               exílio em Babilônia, Jeconias gerou a Abiúde; Abiúde, a Eliaquim;

               Eliaquim, a Azor; Azor gerou a Sadoque; Sadoque a Aquim; Aquim a

               Eliúde; Eliúde gerou a Eleazar; Eleazar, a Mata; Mata a Jacó. E Jacó     

               a José, marido de Maria, da qual nasceu Jesus, que se chama o Cristo”

 

              (ler também Lucas 3:23-38)

 

a)     ATESTADA POR ELE MESMO:

      Mateus 28:8 “Mas Jesus lhe respondeu: As raposas têm seus covis e as aves

                            do céu, ninhos; mas o Filho do homem não tem onde reclinar

                            a cabeça”

      Mateus 16:13 “Indo Jesus para as bandas de Cesaréia de Filipe, perguntou a

                             seus discípulos: Quem diz o povo ser o Filho do homem?”

 

b)  SUA CONFISSÃO, UMA PROVA QUE SE PERTENCE A DEUS    

      João 4:26 “Disse-lhe Jesus: Eu o sou, eu que falo contigo”

 

c)  RECONHECIDA PELOS HOMENS

     Marcos 6:3 “Não é este o carpinteiro, filho de Maria, irmão de Tiago, José, 

                        Judas e Simão? E não vivem aqui entre nós sãs irmãs? E

                        escandalizavam-se ele”

     João 7:27 “Nós, todavia, sabemos donde este é; quando, porém vier o Cristo,

                       ninguém saberá donde ele é”.

     João 19:5 “Saiu, pois, Jesus trazendo a coroa de espinhos e o manto de

                       púrpura. Disse-lhes Pilatos: Eis o homem! “

     Atos 2:22  Varões israelitas, atendei a estas palavras: Jesus, o Nazareno,

                       varão aprovado por Deus diante de vós, com milagres, prodígios

                      e sinais, os quais o próprio Deus realizou por intermédio dele entre

                      vós, como vós mesmos sabeis”

            (5) NEGADA PELO ANTICRISTO:

            I João 4:3 “e todo espírito que não confessa a Jesus não procede de Deus;

                            pelo contrário, este é o espírito do anticristo, a respeito do qual

                              tendes ouvido que vem, e presentemente já está no mundo”.

           II João 7  “Porque muitos enganadores têm sido pelo mundo fora, os quais

                            Não confessam Jesus Cristo vindo em carne: assim é o engana-

                            dor e o anticristo”

 

7 – NASC IMENTO VIRGINAL DE CRISTO

 

      1.  Não era filho de José – Isaías 7:14 “Portanto, o Senhor mesmo vos dará

         sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e lhe chamará

         Emanuel”

         Mateus 1:18,25 “Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando

                      Maria, sua mãe, desposada com José, sem que tivessem antes

                      coabitado, achou-se grávida pelo Espírito Santo – Contudo, não a

                      conheceu, enquanto ela não deu à luz um filho, a quem pôs o nome

                      de Jesus”.

         Lucas 1:34,35 “Então disse Maria ao anjo: Como será isto, pois não tenho

                                  relação com homem algum? Respondeu-lhe o anjo: Descerá

                                 sobre ti o Espírito Santo e o poder do Altíssimo te envolverá

                                 com a sua sombra; por isso também o ente santo que há de

                                    nascer, será chamado Filho de Deus”

 

(1)   Filho Unigênito de Deus

                João 1:14 “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e

                                 de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito

                                 do Pai”.

                 João 3:16 “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o Seu

                                  Unigênito, para que todo o que nele  crê não pereça, mas

                                  tenha a vida eterna”.

                 I João 4:9 “Nisto se manifestou o amor de Deus em nós, em haver

                                   enviado o seu Filho unigênito ao mundo, para vivermos

                                   por meio dele”

 

            A anunciação contida no Evangelho segundo Lucas – o nascimento de João Batista – foi a primeira mensagem divina registrada desde o tempo do profeta Malaquias (cerca de 400 anos antes de Cristo). Quem foi mencionado na

Última mensagem de Malaquias? (Malaquias 4:5). Quem foi mencionado na mensagem do anjo? (Luc as 1:17).

            Segue-se depois o anúncio a Maria. Mateus registra a anunciação feita a José. Mateus narra a história sob o ponto de vista de José; Lucas, de Maria. O fato de Lucas relatar a história sob o ponto de vista de Maria, proporciona boas razões para se crer que a genealogia dada por Lucas é a de Maria.

 

 

 

EBENÉZER !!!!!

 
Share

Sermões Recentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

»